cheap jerseys| wholesale jerseys| Cheap Jerseys Hot Sale For World Cup| Cheap NFL Jerseys Supply, Wholesale Jerseys China Free Shippi| Cheap authentic jerseys,Wholesale jerseys Quality Cheap Jerseys| Cheap China Jerseys From China Wholesale NFL Jerseys Free Shipping| Wholesale NFL Nike Jerseys Free Shipping For Sale Cheap | cheap jerseys from china:wholesale jerseys free shipping| Cheap China Jerseys From China Wholesale NFL Jerseys Free Shipping| NFL Jerseys China: Authentic Quality Cheap Jerseys

Crítica: 30 Minutos Ou Menos (30 Minutes Or Less)

Depois de fazerem sucesso com Zumbilândia, a dupla formada pelo ator Jesse Eisenberg e o diretor Ruben Fleischer está de volta com o filme 30 Minutos Ou Menos. A comédia está sendo bastante retaliada pela crítica americana, porém terminou me agradando e se demonstrando um filme cômico na medida certa. Isso só comprova que as críticas são interessantes para guiarem o espectador em uma direção, mas que somente o gosto exclusivo de cada um é capaz de determinar se a experiência é prazerosa ou não. Exemplo básico disso é o filme Attack The Block, que está super bem falado, até mesmo nos comentários que recebemos na postagem, mas não me agradou.


Dwayne e Travis são dois marmanjos sem nenhuma perspectiva na vida, que bolam um plano mirabolante para conseguir herdar um dinheiro e montar um negócio próprio. O plano deles faz com que a história gire em torno de Nick, um entregador de pizza que é tomado, por eles, como refém e preso a um colete repleto de explosivos. Para sair desta situação, sua missão será roubar um banco e obter 100 mil dólares em até 10 horas. Desesperado com a situação, o jovem pede ajuda ao seu melhor amigo e juntos eles irão pensar na melhor forma de executar o necessário, no menor tempo possível e evitar o pior. A questão é que a falta de experiência no assunto pesa na hora de tomar as atitudes corretas e as coisas podem sair um pouco do controle. 

A execução do filme é bem divertida e o ritmo intenso faz com que o tempo passe rápido para o espectador. Há quem diga que o roteiro é bobo, mas este funciona perfeitamente para quem está a procura de diversão sem precisar para pensar muito sobre as mensagens abordadas e os contextos apresentados. A coisa realmente é simples e é em sua simplicidade que a diversão impera. Não é aquele filme que vai lhe fazer gargalhar o tempo todo, mas que apresenta algumas ótimas idéias e cenas interessantes. O assalto ao banco é hilário e as negociações no jogo triplo armado por Dwayne são impagáveis. 

Jesse Eisenberg é um jovem promissor, que recentemente fez sucesso ao interpretar Mark Zuckerberg, no aclamado filme A Rede Social. Em 30 Minutos Ou Menos, ele novamente entrega uma boa interpretação e consegue dar o ritmo necessário ao seu personagem. A questão é que apesar de estar bem, sua atuação foi ofuscada pelo ótimo Azis Ansari (O Pior Trabalho do Mundo, O Segurança Fora de Controle)  que roubou praticamente todas as cenas para si e demonstrou um timing cômico maravilhoso, principalmente quando o assunto é encenar sentimentos de nervosismo e ansiedade. Danny McBride (Sua Alteza?, Amor Sem Escalas) e Nick Swards (Esposa de Mentirinha, Um Faz de Conta Que Acontece)  são outros atores carimbados neste tipo de produção e estão mais do que acostumados a entregar bons papéis neste gênero. Michael Peña (Menina de Ouro, Pronto Para Recomeçar) fecha este elenco, que é um dos maiores atrativos da produção. 

Em poucas palavras, este é um filme bastante criativo e divertido. Trata-se daquele humor canastrão que não merece ser levado a sério, mas capaz de arrancar boas risadas da platéia que aceitar entrar na loucura proposta por ele. Ele sofre e sofrerá com preconceito por parte de alguns críticos, mas é o tipo de coisa que não tem erro, se você gosta do gênero, irá gostar, se não gosta, passe longe, pois não será uma boa experiência. Não chega a superar Zumbilândia, mas mesmo assim é uma boa opção. Fiquem Depois dos Créditos!!!

Trailer do Filme:

Categoria: Comédia, Resenhas de Filmes, Tiago Britto

Sobre o autor ()

Comentários (2)

Trackback URL | Comentários de RSS Feed

  1. renatocinema disse:

    Não é bem meu estilo de filme. Mas, quem sabe.

  2. Não sei se foi por causa do filme Zumbilandia, mas achei que seria um pouco melhor. Não concordo com as criticas americanas mas também não achei nota 8. Grande abraço pra equipe do cinema detalhado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *