cheap jerseys| wholesale jerseys| Cheap Jerseys Hot Sale For World Cup| Cheap NFL Jerseys Supply, Wholesale Jerseys China Free Shippi| Cheap authentic jerseys,Wholesale jerseys Quality Cheap Jerseys| Cheap China Jerseys From China Wholesale NFL Jerseys Free Shipping| Wholesale NFL Nike Jerseys Free Shipping For Sale Cheap | cheap jerseys from china:wholesale jerseys free shipping| Cheap China Jerseys From China Wholesale NFL Jerseys Free Shipping| NFL Jerseys China: Authentic Quality Cheap Jerseys

Meu Pé de Laranja Lima

Crítica: Meu Pé de Laranja Lima

Esta em cartaz nos cinemas brasileiros o longa Meu Pé de Laranja Lima, uma nova readaptação do sucesso literário de mesmo nome. O filme é dirigido por Marcos Bernstein que também é responsável por roteirizar algumas produções importantes que vão ser lançadas nesse ano como Somos Tão Jovens e Faroeste Cabloco. Na pré-estreia que teve aqui em Salvador eu tive a oportunidade de bater um papo legal com o Marcos, esse entrevista vai estar disponível amanhã no Cinema Detalhado e assim que ele estiver postada eu coloco o link aqui nesse texto também.

Em Meu Pé de Laranja Lima Zezé (João Guilherme de Ávila) é um garoto que tem quase oito anos e vive com sua família pobre no interior. Ele é sensível, ele é precoce, ele é um contador de histórias: ele é um problema! Seu esporte favorito é transformar sua casa e a vizinhança em cenário para suas traquinagens. E elas não são poucas. Seu refúgio preferido é um pé de laranja-lima. É com ele que desabafa as coisas ruins que lhe acontecem, divide sua solidão ou comemora uma boa novidade, como a amizade com Manoel Valadares (José de Abreu), o “portuga”. Amizade que fará com que Zezé dê a Manoel um mundo de fantasias e criatividade que ele nunca imaginou possível.

Meu Pé de Laranja Lima foi um filme que surpreendeu bastante principalmente porque eu não tinha muitas expectativas com relação a esta produção e também porque conferi essa película logo depois de assistir ao péssimo Angie. Nos primeiros momentos da projeção eu fiquei um pouco incomodado com a figura do Zezé interpretado pelo jovem João Guilherme, mas essa sensação de desconforto foi passando ao longo do filme a medida com que eu fui me conectando melhor com o personagem e a sua história. A escolha do elenco foi bem interessante mesclando nomes desconhecidos e meninos da própria região onde foi filmado o longa (Recreio interior de MG) com nomes mais conhecidos do público como Caco Ciocler (2 Coelhos) e José de Abreu (E Aí… Comeu?).

Outro ponto positivo do longa é a química entre o garoto João Guilherme e o veterano José de Abreu que funciona muito bem, tornando a nossa jornada assistindo ao filme muito agradável. A parte técnica do longa também esta muito bem feita, a trilha casa muito bem com os sentimentos que transbordam de cada cena, a montagem e e principalmente a fotografia foram feitas com muito primor. Meu Pé de Laranja Lima é uma história de amizade muito tocante e o diretor Marcos Bernstein soube conduzi-la de forma a transformar a película uma obra bem intimista, delicada e muito bela. Ao final da projeção é capaz que você leitor assim como várias das pessoas que estavam presentes na pré-estreia em Salvador saia comovido com a história de amizade entre o garoto Zezé e o seu grande amigo “Portuga”.

FICHA TÉCNICA
Direção: Marcos Bernstein
Gênero: Drama
Duração: 97 min.
Distribuidora: Imovision
Estreia: 19 de Abril de 2013
Elenco: João Guilherme Ávila, José de Abreu, Caco Ciocler, Eduardo Dascar, Fernanda Vianna, Emiliano Querioz.

Tags: ,

Categoria: Drama, Resenhas de Filmes, Silvano Vianna

Sobre o autor ()

Um dos fundadores do Cinema Detalhado, sou psicólogo de formação e cinéfilo por opção. Assisto a qualquer tipo de filme, mas sou muito mais criterioso para recomenda-los.

Comentários (4)

Trackback URL | Comentários de RSS Feed

  1. Marcia disse:

    Se o filme passa no final dos anos 60; o carro do português é antigo, como o cantor vende CD???

  2. milena disse:

    o cara fala cd mas e disco

  3. Iza Campos disse:

    Gostaria de ler a entrevista com o diretor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *