cheap jerseys| wholesale jerseys| Cheap Jerseys Hot Sale For World Cup| Cheap NFL Jerseys Supply, Wholesale Jerseys China Free Shippi| Cheap authentic jerseys,Wholesale jerseys Quality Cheap Jerseys| Cheap China Jerseys From China Wholesale NFL Jerseys Free Shipping| Wholesale NFL Nike Jerseys Free Shipping For Sale Cheap | cheap jerseys from china:wholesale jerseys free shipping| Cheap China Jerseys From China Wholesale NFL Jerseys Free Shipping| NFL Jerseys China: Authentic Quality Cheap Jerseys

Crítica: Batman: O Cavaleiro das Trevas (The Dark Knight)

OBS: Como estou viajando deixei esse post como uma homenagem em especial para o diretor Christopher Nolan do novo sucesso A Origem.

Quando saiu no cinema eu fui ao cinema assistir ao novo filme do Batman logo em seu fim de semana de estréia, estava desde o ano anterior ansioso para ver como seria a adaptação desta nova história baseada na famosíssima mini-série The Dark Knight [que eu já tinha lido bem antes]. Para aqueles que conhecem Batman somente dos filmes no cinema ou até das séries animadas para Tv, além daquela tosca séries dos anos 60 com Adam West, o homem morcego de The Dark Knight é bem diferente dos heróis que costumamos ver em outras histórias, mais sombrio, solitário, amargo e muitas vezes colocado na posição de anti-herói.

Mas o filme é marcado essencialmente pela já lendária atuação do falecido Heath Ledger. Desde as primeiras cenas da película ele mostra quem é o Coringa. Não, o Coringa não é um palhaço ou um cara engraçado que comete crimes milaborantes como nos fez crer César Romero no seriado de Tv ou Jack Nicholson na primeira adaptação do morcego para o cinema dirigido por Tim Burton. Na verdade ele é um artista do crime e a cidade de Gotham é o seu picadeiro.

Depois deste filme fiquei refletindo algum tempo no que realmente tinha acontecido. Eu tentei tirar qualquer influência que a morte daquele grande ator poderia estar tendo sobre a sua atuação e sobre o filme. Será que ele estava tão soberbo mesmo neste papel?! Será que finalmente fizeram uma adaptação de quadrinhos com vilões decentes, com uma história coesa e com um final digno das melhores Graphic Novels?!

Acho que chega a ser diferente a expectativa que eu crio para ver um filme desses, não que eu seja fã do Batman como personagem [aliás, até sou, eu acho que é o único personagem da DC Comics que presta para alguma coisa], mas por eu ser uma cria dos HQs. Nossa como eu adoro esse mundo, como adoro ler e conhecer e saber desses personagens. Mas não eles com os argumentistas de hoje, mas dos clássicos como Alan Moore, Frank Miller, Garth Ennis, Niel Gaiman e muitos outros.

Na verdade o grande trunfo do filme não foi apenas o conjunto de atuações soberbas que para sempre vou me lembrar, mas sim como a história foi tratada desde o início. Os roteiristas e o diretor foram fiéis ao material, eles não tentaram inventar, não transformaram o vilão em algo que ele não é [como nos dois filmes do Quarteto Fantástico que eles transformaram o maior vilão da Marvel o Dr. Destino em um playboy idota, deprimente isso], não criaram links forçados e muito menos tentaram fazer a história boba ou carregada de piadas desnecessárias.

Com isso o filme consegue agradar ao mesmo tempo as pessoas que gostam de filmes em geral, os fãs de filmes de ação, mas principalmente aos fãs de Batman e das HQs. Espero que este exemplo seja seguido daqui em diante e que obras como essa e 300 sejam as referencias futuras para os filmes baseados em HQs

Nota: 10


Trailer:

Categoria: Heróis, Resenhas de Filmes, Sensacional, Silvano Vianna

Sobre o autor ()

Um dos fundadores do Cinema Detalhado, sou psicólogo de formação e cinéfilo por opção. Assisto a qualquer tipo de filme, mas sou muito mais criterioso para recomenda-los.

Comentários (3)

Trackback URL | Comentários de RSS Feed

  1. Will disse:

    Sei q faz tempo ja… mas só tirando uma duvida, o Coringa chegou a morrer (no filme)???

  2. Jardel Nunes disse:

    Um grande filme de ação e um dos melhores de heróis, junto com os do Homem de Ferro.
    E Heath Ledger, poh, fiquei muito triste quando soube da morte, um dos atores favoritos desde 10 Coisas que Odeio em Você. Gênio.

    Abraços

  3. Tiago Britto disse:

    F I L M A Ç O !!!!!!!!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *